Dr. Aldo Corrêa de Lima – Advogado | Professor | Teólogo

Estatuto do desarmamento pode está correndo risco

 

 A votação da medida provisória 394, que prorroga para 2 de julho de 2008 o prazo de recadastramento de armas e reduz o valor das taxas de registro, vai provocar nova polêmica. O relator da MP, Pompeu de Mattos (PDT-RS), propôs várias mudanças no Estatuto do Desarmamento, como desobrigar os que hoje têm armas de cano longo de fazer os testes psicológico e de aptidão exigidos atualmente na lei.
O relator também quer permitir a entrega voluntária de armas à polícia em qualquer tempo, sem fixação de prazo. O texto de Pompeu ainda autoriza o porte de arma por guardas municipais em cidades com menos de 50 mil habitantes fora do horário de serviço.
Pompeu chegou a ler o relatório ontem, mas controvérsias e dúvidas sobre o texto adiaram a votação para hoje. Embora ele afirme que seu novo provisório foi negociado com todos os líderes partidários, com o Ministério da Justiça e a Polícia Federal, o líder do governo, José Múcio (PTB-PE), diz que não há acordo.

Fonte: O Globo.

OBS: O certo é que a violência ainda não diminuiu consideravelmente porque a União, os Estados, o DF e os Municípios AINDA NÃO INVESTIRAM EM SEGURANÇA PÚBLICA.

A questão do DESARMAMENTO é apenas UMA das medidas a serem tomadas em sede de POLÍTICAS PÚBLICAS na segurança.

Os políticos em que vcs votaram vem atuando nesta seara ???

Anúncios

Arquivado em:Notícias

4 Responses

  1. marcos disse:

    ue e A FAVOR DE TAL ESTATUTO DEVERIA TER VERGONHA NA CARA POIS SEUS IDEALISADORES CHAMARAM TODA NAÇAO DE BANDIDOS .ESTE ESTATUTO TEM QUE SER JOGADO NO LÇIXO ASSIM COMO QUEM O PROJETOU O PAIS NAO CONSEGUE DESARMAR NEM OS BANDIDOS E AINDA QUER INCONSTITUCINALMENTE NEGAR PORTE DE ARMA AO CIDADAO . QUERENDO DEIXAR OS CIDADAOS A MERCE DOS BANDIDOS TODO CIDADAO QUE SE PRESE NAO TEM QUE REGISTRAR SUA ARMA NOVAMENTE POIS JA ISSO FOI NFEITO NO ESTADO TIVEMOS NUM PLEBICITO E ESSA E A RESDPOSTA A T6AL ESTATUTO

  2. Dan disse:

    Assino embaixo tudo que o amigo Marcos citou. Esse estatuto só reprime o cidadão que quer se defender da marginalidade.

  3. Sergio Chaves disse:

    Tapando o sol com a peneira.

    O
    estatuto do desarmamento só servirá para deixar o bandido mais a vontade,pois em nada irá resolver o problema.O cidadão de bem que quer possuir uma arma para se defender e devidamente legalizada não poderá fazê-lo, pois o estatuto irá criar uma série de restrições, para as quais o bandido não dará à mínima, pois ele não precisa ter as armas registradas e muito menos do porte para usá-las, o governo já mostrou de várias formas a sua ineficiência para resolver o problema e de certa forma, conivência com a bandidagem, por outro lado o povo todos os dias esta vendo pelos mais variados meios de comunicação e o governo também,as atrocidades,roubos, desvios de dinheiro público (que é dinheiro do povo ) e outros mais variados tipos de crimes, cometidos por gente que faz parte do governo, tanto funcionários como políticos, até hoje não se tem notícias de dinheiro recuperado, depois que cai nas mãos dos malandros ou de seus familiares.
    O
    povo, esta acostumado a assistir na TV as arbitrariedades cometidas por policiais (abuso de autoridade) respaldados nas ermas que usam. Casas são invadidas, inocentes mortos,etc.. Há algum tempo atrás, um jovem foi morto com um tiro de escopeta cal. 12 pelas costas, disparado por um policial militar em, São Leopoldo RS, o qual alegou que a arma disparou acidentalmente (eles que são os aptos a usar armas ?)
    U
    ma bala perdida calibre 40 de uso exclusivo da polícia, munição de alto impacto, curto alcance, péssima balística, consegue percorrer uma distância de aproximadamente 2000m, distância que separa uma favela, de uma universidade, mata uma estudante dentro da escola atravessando o corpo da mesma e misteriosamente a fita de vídeo do circuito interno de TV da escola desaparece, segundo noticia dada pela imprensa o tiro teria sido disparado por traficantes no interior da favela em guerra de quadrilha na disputa por pontos de venda de drogas.
    N
    otícia em todos os canais de TV dias 06/07 de junho de 2004, um estudante de pós-graduação é morto com um tiro na testa por policiais, me parece em, São Paulo, os policiais alegam que o mesmo havia disparado uma arma contra eles e que na perseguição eles atiraram acertando o rapaz na testa o qual morreu na hora, ora se eles estavam perseguindo o veículo da vítima só poderiam estar atrás da mesma, como pode eles acerta-lo na testa, será que a vítima estava dirigindo de costas dentro do veículo ? ou eles atiraram na imagem do retrovisor do veículo da vítima acertando-o pela reflexão da imagem. Os policiais alegam ter encontrado um revólver cal. 38 junto à vítima, segundo informações de familiares, a vítima não possuía arma e nunca havia pegado uma arma na mão, até mesmo a noiva da vítima que estava junto no episódio, confirma essa versão, a arma deve ter aparecido dentro do veículo da vítima como por encanto. Por outro lado pergunta-se, o quê teria levado um jovem já formado cursando pós-graduação a atirar na polícia ?Obs. segundo exames efetuados, nas mãos da vítima não foram encontrados vestígios de pólvora, e na certa a mesma não deve ter tido tempo de higienizalas, pois morreu na hora.
    N
    ormalmente em tiroteios entre polícia e assaltantes, quando morre um inocente,vítima de um disparo, sempre o tiro que feriu a vítima partiu das armas dos assaltantes, mesmo que a vítima estivesse na retaguarda dos bandidos os quais por imperícia atiram para trás ao invés de atirar na polícia que esta à sua frente, nos exames de balística as balas nunca pertencem às armas dos policiais! “Bom dia Rio Grande”, programa da RBS/TV dia 25/05/04 notícia! Policiais Militares invadem uma residência na cidade de Faxinal do Soturno RS, atirando, ferem mortalmente um agricultor sentado em uma cadeira, cortando fumo e tomando chimarrão junto à esposa e filhos, crianças também ficam feridas no episódio, segundo a imprensa as investigações ainda não haviam começado, mas na certa o agricultor terá alguma culpa ou será enquadrado de alguma forma. RBS/TV ”Bom dia Rio Grande” dia 14-05-04 promotor de justiça é morto a tiros como um cão raivoso por um policial militar devido a um acidente de transito no qual, os dois se envolveram, na certa o policial militar pensou tratar-se de um cidadão comum e não daria nada para ele,jamais pensou tratar-se de uma autoridade superior a ele, se é que se pode chamar de autoridade um policial destes.RBS/TV “Bom dia Rio Grande ” notícia; Em Triunfo / RS 12 Brigadianos são indiciados por (abuso de menores), estupro de duas menores de 14 e 15 anos dentro de uma viatura.
    S
    egundo pesquisa dos direitos humanos internacional, o Brasil é campeão em abusos policiais, e que só em 2003 foram mortas aproximadamente 2000 pessoas a tiros por policiais no país.Provavelmente estes números ajudam a engordar as estatísticas de mortes por armas de fogo, mas a carga cai sobre o cidadão, pelo SIM.
    O
    famoso órgão “Direitos Humanos” se preocupa com o tratamento que é dado aos presidiários (os quais não estão lá por serem anjinhos ) , eu faço a seguinte pergunta; será que o cidadão comum é humano também ou não ? Quando ocorre uma rebelião em um presídio e os presos queimam, roupas de cama colchões etc..no outro dia tem que receber tudo novo, por causa dos direitos humanos, devem existir fábricas destes produtos virando dia e noite para atender a demanda,eu pergunto: e os excluídos “ sem teto” que vivem nas ruas sem abrigos sem cobertas de cama e sem colchões não merecem nada, não são humanos também? Em minha opinião ao em vês das fábricas desses produtos fazerem serão para atenderem a demanda desses produtos, quem deveria fazer serão eram as fábricas de munição a fim de exterminar com bandidos irrecuperáveis, diminuindo assim as despesas que o governo tem com eles. O governo poderia pegar todo esse dinheiro e resolver o problema do fome zero, ao em vez de gastar com programas de TV em campanhas pedindo auxílio ao povo o qual ~80% também passa necessidades pois não tem um salário digno. Segundo foi divulgado há algum tempo, o governo gasta aproximadamente uns R$ 1600,00 por mês, para manter um preso atrás das grades, é uma discrepância, num país que um trabalhador braçal, trabalhando de sol a sol, os Bóias frias, por exemplo, não chegam a ganhar no mínimo um salário miserável de R$300,00, como o governo consegue explicar uma coisa dessas.
    O
    argumento do estatuto do desarmamento alega que, o povo deve ser desarmado, por que; são cometidos muitos assassinatos, que ocorrem muitos acidentes com armas de fogo, por falta de habilidade com as mesmas, que os assaltantes conseguem as armas com o povo quando assaltam suas casas ou quando as arrombam etc..não serve ,deve ser arrumado outro argumento pois: Foi noticiado por todos os meios de comunicação, que os assaltantes atacaram um quartel de Aeronáutica e esvaziaram o paiol, levando todas as armas ali existentes, levaram até a arma do guarda. Já foi noticiada também a ocorrência de acidentes com armas de fogo dentro de quartéis e dentro de corporações da policia militar e segundo o estatuto somente eles são EXPERT em armas. Segundo da para concluir, se o povo não é habilitado ao uso de armas, a policia e os militares também não o são, no caso todos deveriam ser desarmados, ou não desarmam ninguém.
    As pessoas que entregaram as armas em troco de migalhas e confiando no governo devem estar decepcionadas, pois devolveram as armas a Policia Federal a qual assumiu a custódia das mesmas, depositando-as em um prédio sob seu controle, os assaltantes encostaram um veículo tranquilamente, escolheram as armas que lhes serviam e que estavam em perfeitas condições de uso, fizeram o devido carregamento e foram para casa tranquilamente, depois o programa do “SIM” diz que o assaltante consegue as armas com o cidadão em assaltos ou como estão ultimamente sugerindo, que as lojas de armas no Brasil provavelmente também vendem armas ilegalmente.
    A
    propósito, o Exército, Marinha, e a Aeronáutica devem ficar atentos, pois, de uma hora para outra podem ser roubados; carros de combate, helicópteros de guerra, ou aviões-caça devidamente armados, de dentro dos quartéis.
    O governo deveria se preocupar em proibir a venda aos bandidos de armas como; AK-47, AR-15, Bazucas, Lança-chamas, Minas terrestres, Metralhadoras e outras armas pesadas automáticas que atualmente os bandidos estão adotando para uso. E não se preocupar com um simples revólver cal. 38 ou uma pistola cal. 380 os quais são consideradas armas de defesa pessoal, as quais o povo tem o direito de ter ( como opção) para fazer sua auto-defesa, já que o governo não tem capacidade para defender nem dar a devida segurança ao povo que o mantem e o sustenta, abaixo de impostos exorbitantes. Por outro lado o povo não ganha salário suficiente para pagar guarda-costas para fazer sua segurança, como muitos políticos e muitas autoridades têm a seu dispor inclusive axtensivo a seus familiares com dinheiro oriundo do povo.
    S
    egundo dá para concluir, não há interesse de muita gente que a segurança pública funcione como deve, haja vista a quantidade de corporações de guardas particulares “Empresas privadas” as quais estão de vento em popa e cada vez surgem mais e mais e guarda-costas particulares, os quais o povo não tem como pagar,devido aos salários miseráveis que recebem, por isso devem ter no mínimo o direito a autodefesa.
    Mas olhando por outro lado, vamos ver o lado positivo, não deixa de ser uma maneira de gerar empregos só que tem um custo muito elevado, pois, muitos dos seguranças destas empresas são policiais aposentados com o argumento de já possuírem formação para a função, não gerando a quantidade de vagas que poderia gerar, para aqueles que não tem renda alguma. E, além disso, olhando de outra forma, isso tudo gera custos, quem contrata essas empresas repassa os custos com segurança, exemplo disso são as empresas de transportes de carga, que devido aos constantes roubos de cargas e de seus veículos, são obrigadas a contratar empresas de segurança, com veículos batedores com homens armados para proteger as cargas e os veículos bem como a vida de seus motoristas, isso tudo gera custos que são repassados aos fretas, encarecendo os produtos e adivinhem quem é que paga a conta? Devemos lembrar também que muitos motoristas trabalham com seus próprios caminhões, individualmente devido até a falta de empregos, não podem pagar batedores e nem defender suas cargas pois não poderão usar armas para faze-lo.
    A
    lguém já se perguntou a quem pertencem, e na mão de quem estão estas corporações?. Será que é de interesse delas que a segurança pública funcione como deve.
    S
    erá que toda essa baderna é a tal de DEMOCRACIA? Sinto saudades do tempo dos militares no poder, morriam alguns inocentes é claro, mas tudo tem seu preço, hoje morrem centenas todos os anos e ninguém critica, e um detalhe, naquela época muita gente dispunha de porte de armas, inclusive eu um cidadão comum. A gatunagem aumentou depois da abertura política, democracia é muito bonito no papel, na realidade só serve para proteger os corruptos que acabam soltos por serem réus primários, não interessando o tipo de crime por eles praticados, ou o individuo só é descoberto ou (acusado) depois que atinge uma certa idade, na qual não pode ser mais processado por ser considerado um ancião, ficando assim o fruto do roubo para os filhos, netos e demais parentes, os quais jamais abrirão mão do dinheiro, no Brasil nunca se teve notícia de o governo reaver algum dinheiro roubado ou desviado dos cofres públicos ou mesmo da corrupção o quê pelo fisco deve ser considerado dinheiro sem dono e poderia muito bem ser aplicado no programa Fome-Zero.
    O
    governo só tem força para pegar o dinheiro do povo trabalhador na folha de pagamento em forma de imposto de renda (IRRF) e nos impostos embutidos em tudo que é produto produzido e comercializado no país. Por isso o governo é contra a informalidade, pois não gera imposto de renda, CPMF e outros inúmeros impostos. Aquela estória do governo autorizar aberturas de contas bancárias para o excluído sem precisar comprovar rendimentos a fim de proteger o pobre de assaltos, não tendo que guardar o dinheiro em casa, é pura conversa para o boi dormir, ele estava mesmo era de olho no que os pobres miseráveis ganham e cobrar CPMF da miséria que os pobres miseráveis excluídos ganham, muitas vezes catando LIXO.
    Voltando ao assunto, pode-se dizer ainda mais, por exemplo; quanto “a fúria arrecada tória” podemos no caso citar: o governo alega que gasta muito com hospitais devido aos acidentes de trânsito, provocados por motoristas mal instruídos e despreparados, mas na realidade não e isso, são motoristas que cometem infrações porque querem e sabem muito bem o quê estão fazendo ou estão bêbados, para esses não adianta reciclagem e o governo sabe disso, é só instalar câmeras de TV por tudo, para controle e apreensão dos maus motoristas. Ora é claro que os maus motoristas existem, mas também existem meios previstos na atual legislação de trânsito que caça a habilitação do mau motorista, e o governo deve saber disso, pois foi ele próprio que elaborou a atual legislação de trânsito, a qual também tem muitas aberrações, mas vem de novo a “ fúria arrecadatória” é mais fácil e rentável obrigar no velho “ goela a baixo” a todos se reciclarem em nome da melhoria do transito. As pessoas terão que desembolsar um monte de dinheiro se quiserem manter a habilitação e o governo esta aí para devorá-lo. Até aqueles bons motoristas que nunca cometeram infrações graves, nunca se envolveram em acidentes provocados por eles ou por terceiros, durante a vida toda e que estão habilitados há 20,30 ou 40 anos atrás, terão que se reciclar, eu sei e todo o bom motorista, sabe que, quando ocorrem mudanças na legislação de trânsito, o bom motorista se auto-recicla, pois é de interesse próprio dele se reciclar, estar atualizado, até mesmo para evitar multas. Mas se o governo optar por usar a legislação criada por ele próprio ao pé da letra é pouco lucrativo geraria pouca arrecadação seriam somente as multas dos infratores caçados, logo ele optou pelo mais lucrativo, o velho conhecido nosso “o goela a baixo” fazendo todos se reciclarem a arrecadação vai ser muito interessante para o “dinheirívoro” (para quem não sabe, é um termo criado por mim para denominar quem se alimenta de dinheiro) gerando uma enorme arrecadação, o governo esta dando um belíssimo exemplo do ditado “ O justo paga pelo pecador” já tivemos caso semelhante,o caso das famosas “bolsinhas de primeiros socorros” segundo informações que temos hoje,uma coisa contradiz a outra, em caso de acidentes graves é aconselhável nem tocar na vítima em muitos casos,a fim de não piorar a situação da mesma. A famosa bolsinha só servia para fazer pequenos curativos tipo; pequenos arranhões, picadas de insetos ou um espinho fincado no dedo. Ai também aparece o velho “Goela abaixo” e por outro lado, aquela bolsinha em nada ajudaria uma pessoa com fratura exposta ou com a coluna serviçal deslocada. Porque o governo não ressarciu os proprietários de veículos do valor das “famosas bolsinhas” e o valor de eventuais multas cobradas por uma infração infundada? Novamente aparece o nosso velho amigo “o goela abaixo” no caso dos registros e portes de armas para arrecadar, pois se um cidadão é apto ao manejo de armas e não possui antecedentes criminais esse direito era para ser gratuito ou ter um custo razoável (admissível) daria para entender, mas vão cobrar R$1000,00 por um porte anualmente e R$300,00 pelo registro renovável de três em três anos, neste caso também aparece a discriminação e exclusão que o governo aparentemente tanto critica. Aqueles que ganham salários normais (comuns, baixos), não terão como pagar essas taxas exorbitantes. Os ricos, abonados, não terão essa dificuldade, pois terão como pagar facilmente todos os anos e até mesmo comprar o porte e o registro, pois, no Brasil e possível comprar de tudo é só ter o dinheiro, como já aconteceu com habilitações de motorista.
    O estatuto prevê que, policiais inativos, também deverão se submeter aos testes periodicamente se quisessem continuar usando suas armas, me parece piada é meio difícil de acreditar, será que um policial inativo armado ilegalmente sendo abordado por um colega da ativa na rua, seja preso ,indiciado ou responda processo pelo crime, se é que se pode chamar isso de crime, eu particularmente acho que não, levando em conta a tese de que “LOBO NÃO COME LOBO”.Um exemplo é o de um promotor de justiça, comentado a pouco na TV. Programa Linha direta da Globo.O qual segundo comentário, teria matado a esposa, por isso foi condenado, mas se encontra em liberdade , vive no BRASIL e a policia não consegue captura-lo, nunca é encontrado, também foi comentado que ele possui muitos amigos influentes dentro da policia, é muito misterioso isso, acho que esse cara é o famoso homem invisível , ou outra vez “lobo não come lobo” se, se tratasse de um cidadão comum sem amigos influentes e sem dinheiro, na certa já estaria preso ,alias nem teria escapado diga-se de passagem.O governo prega que é contra a discriminação, prega a igualdade, mas não é isso que se vê. Observando tudo com atenção, se fica sabendo por que muitos parlamentares… Criam determinados projetos que geram enormes arrecadações para os cofres públicos, também podera, se não fosse assim o governo já não teria como paga-los, pois ganham uma verdadeira fortuna por mês.
    E
    bom lembrar que o estatuto do desarmamento até inconstitucional é, pois:na constituição é garantido ao cidadão o direito a vida e a autodefesa da mesma e de pessoas sob sua guarda e responsabilidade como esposa e filhos, e também a defesa de seu patrimônio bem como a inviolabilidade de seu domicilio. Como pode o cidadão exercer tais direitos sem ter as mínimas condições de fazê-lo, que é possuir uma arma, por exemplo. O governo para cobrar e arrecadar, muitas vezes coloca paises de primeiro mundo como exemplo, dizendo lá em tal país é assim, lá em tal país é assado, nos EUA, por exemplo, a constituição garante ao cidadão americano o direito a auto defesa e o mesmo pode possuir até mesmo um fuzil desde que devidamente legalizado o que na verdade é até um exagero , um 38 ou uma 380 já seria suficiente , por isso não da para entender o alto custo de um porte de arma ou registro, entra ai também a fúria arrecadatória, A constituição é claramente contra a discriminação seja ela qual for e também contra a exclusão de qualquer cidadão , por que não fizeram também um referendo para aprovar o próprio estatuto, aprovado no velho goela a baixo , lógico não teria a aprovação do povo .
    E
    u quero deixar bem claro que quando eu falo de governo não me refiro ao Presidente da Republica, mas sim a toda a máquina administrativa do país, pois; projetos,leis, decretos, medidas provisórias a mais outras infinidades de medidas tomadas pelo governo não são na grande maioria de autoria do Presidente e sim de seus colaboradores.
    De tudo isso da para tirar um ”SLOGAN” perfeito “POVO MAL TRATADO, COM FOME, SEM SEGURANÇA, SEM ASSISTÊNCIA MÉDICA DECENTE, COM ENSINO PRECÁRIO, PAGANDO ATÉ COM A ALMA, IMPOSTOS AO GOVERNO, SEDENDO POR DINHEIRO, DESARMADO É MOLEZA DE MANOBRAR, TANTO PELOS BANDIDOS INFORMAIS COMO PELOS BANDIDOS DEVIDAMENTE LEGALIZADOS”
    Atenção. Este trabalho foi elaborado mais ou menos em 2005, porém não divulgado em meios de fácil divulgação ao público, por desconhecer certos meios de fazê-lo

    Assina: Um indignado com o sistema

  4. M. Bezerra disse:

    Vamos eleger sempre candidatos que sejam a favor do porte de arma ao cidadão, aquele que realmente tem direito a defesa de sua vida e dos seu familiares e que deveria ser custeado pelo governo, atribuindo uma certa parcela da responsabilidade da segurança ao cidadão de bem. E que seja punido todos que cometam crime, seja os bandidos, os policiais e cidadãos, conforme a lei.
    Que permitam o porte ao Cidadão, com mais de 30 anos, com endereço certo, bons antecedentes, nome limpo e o governo deveria bancar isso, pois porque só os vagabundos é que ganham incentivo dos governos, o Cidadão de bem deveria ganhar muito mais incentivos por bom comportamento na Sociedade, nõa deverámos pagar renovação de CNH e muito mais.
    Valorizar o cidadão honesto!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  • 2,558,278 - Acessos !

Digite seu e-mail no espaço abaixo e clicar em acompanhar para nos seguir

Junte-se a 2.389 outros seguidores

novembro 2007
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

https://aldoadv.wordpress.com

Leia a Bíblia Sagrada !

Salvação só em Jesus Cristo

Escritório:

81.3728.2648 e 8116.5304

Justiça Social

Apenas com Justiça Social seremos capazes de transformarmos a dura realidade das pessoas menos favorecidas.

Antes disso, é importantíssimo que possamos desenvolver uma mentalidade nacional voltada para o suprimento dessas necessidades básicas da população humilde, a fim de que tenhamos condições de sencibilizar a todos (inclusive nossa classe política, que há tanto tempo vem ocasionando esses desajustes perante a coletividade, afinal de contas, grandes importâncias pecuniárias estão sendo desviadas para o domínio ilícito particular da maioria desses políticos, assim como é de conhecimento público e notório e que quase ninguém faz nada).

Dentro dessa perspectiva, é fundamental que possamos fiscalizar, direta e indiretamente, a atuação do "Estado" e do particular (ONG's também) e exigir a punição aos infratores, especialmente, se forem Autoridades Públicas.

Dessa forma, talvez estejamos dando um passo concreto e mais eficaz em direção a um futuro mais equitativo para todos nós, principalmente para os mais pobres.

Bel. Aldo Corrêa de Lima - Advogado e Professor

Eclesia Ágape

Comunidade Cristã Urbana: Discipulando e Evangelizando

Assembléia de Deus

Ministério Israel | Brasil | Pernambuco

Seminário de Teologia

Persiste em Ler, Exortar e Ensinar ... (1 Tm. 4.15)

Maluco por Jesus

Deus atraiu você até este site para falar-lhe algo ! Descubra o que é !!!

%d blogueiros gostam disto: